Austrália: Promove crescimento de biocombustíveis para ajudar a combater as mudanças climáticas

Por: Abudo Omar
Data: 22/11/ 2021
Visualizações: 74


Mapa da Austrália (wikimedia)

A bioenergia pode contribuir com cerca de A $ 10 B ($ 7 B) para a economia da Austrália até 2030, disse o governo na sexta-feira, ao traçar um plano para promover os biocombustíveis para ajudar o país a alcançar emissões líquidas de carbono zero até 2050.

A bioenergia, que inclui a transformação de resíduos orgânicos e resíduos agrícolas em combustível, actualmente representa cerca de 3% do consumo total de energia da Austrália e pode crescer para fornecer até 20% até 2050, mas os custos de produção teriam que cair para isso, disse a australiana Agência de Energia Renovável (ARENA).

A indústria pode criar 26.200 empregos e ajudar a reduzir as emissões em cerca de 9% em relação aos níveis de 2019 até 2030, disse a ARENA.

Com A $ 33,5 milhões em novos fundos, a ARENA estabeleceu um plano para apoiar projectos, que poderia mostrar onde os biocombustíveis teriam uma vantagem comparativa e identificar barreiras para o desenvolvimento de biocombustíveis.

O governo destacou que a geração de calor industrial, combustíveis navais e de aviação e gás renovável estão entre os sectores onde as emissões de carbono são difíceis de reduzir, oferecendo potencial de mercado para biocombustíveis.

"Isso ajudará a fomentar indústrias de aviação e marítimas fortes e líderes mundiais, que sejam competitivas e viáveis ​​no longo prazo", disse o ministro da Energia, Angus Taylor, num comunicado.

O progresso no combustível de aviação sustentável pode levá-lo a representar cerca de 18% do mercado de combustível para aviação na década de 2030, disse a ARENA.

Fonte: Hydrocarbon Processing


Notícias Destacadas

Notícias Recentes